Air Canada aposenta sua frota de aviões Embraer E190

A Air Canada já encerrou as suas operações com o Embraer E190, retirando de vez a aeronave da sua frota.

A companhia aérea fez os últimos voos com o E190 no dia 31 de maio, quando utilizou o avião brasileiro para voar de Toronto para Chicago, Halifax, Nova York, St. Johns e Saskatoon. 

Com certeza esse é um número impressionante de destinos atendidos pelo E190 em seu último dia na frota, mas a Air Canadá já tem o planejamento de colocar o Airbus A220 no lugar dos aviões da Embraer.

Como a companhia precisará diminuir a sua frota, a atual quantia de aviões A220, e os próximos que a companhia deve receber em 2020 e 2021, devem dar conta de todos os voos alocados para esses aviões.

A Air Canada já planejava aposentar o E190 nos últimos anos. A companhia já operou com uma frota de 45 aeronaves deste modelo, mas aos poucos foi reduzindo a quantidade de aviões, e antes da crise, a Air Canada tinha apenas 14 aviões E190-E1.

A antecipação da aposentadoria do E190 foi definida em conjunto com a retirada das aeronaves do modelo Boeing 767 e dos aviões A319. Ao todo 79 aviões foram excluídos da frota.

 

DEIXE UMA RESPOSTA