Air Canada aposta em avião de Business Class para retomada de voos

Não é comum encontrar aviões de pequeno porte equipados totalmente com um interior em Classe Executiva, no entanto, a Air Canada está apostando em um Airbus A319 configurado com confortáveis 58 assentos.

Atualmente esses aviões estão alocados em rotas entre Toronto, Montreal e Ottawa. Mas a Air Canada quer expandir os voos desse A319 para voar sem escalas dos hubs da Air Canada em Toronto, Vancouver e Montreal para destinos no sul dos Estados Unidos, México e Caribe. 

Esses destinos, populares entre os canadenses, incluem Fort Lauderdale, West Palm Beach, Fort Myers, Cancún, Barbados e Puerto Vallarta. Além disso, a Air Canada oferecerá voos de Toronto para destinos no oeste do Canadá, como Kelowna e Vancouver.

Tradicionalmente esses A319 são equipados com 120 assentos, mas o bloqueio reduz a quantidade de lugares disponíveis a bordo.

Antes da pandemia, essas aeronaves da Air Canada Jetz levavam equipes de hóquei para jogos na América do Norte.

Vale ressaltar que a própria Air Canada está enfrentando um período de escassez na demanda de passageiros, em parte também pelas rígidas restrições de viagem entre os EUA e o Canadá.

O conforto adicional é uma aposta da empresa para atrair os clientes, oferecendo preços “normais” por assentos premium em destinos turísticos e de alta demanda.


 

DEIXE UMA RESPOSTA