Air Canada Airbus A220 Trans-Canada
Foto: Air Canada

Um Airbus A220-300 da Air Canada agora é um ‘Retro jet’, o mais novo avião da frota ganhou uma belíssima pintura para relembrar bons tempos do passado. A pintura remete a Trans-Canada, como era chamada a antiga Air Canada.

Com a pintura predominantemente cinza com listras vermelhas e outros detalhes amarelos, a aeronave levou 9 dias para ser pintada com 350 litros de tinta para aviões. Este será o único avião a receber essa bonita livery, sua entrega deverá acontecer em breve.

O C-GNBN será o 18º Airbus A220-300 da empresa, que atualmente conta com 14 deles ativos. A Trans-Canada foi fundada em 1937, e era uma empresa de bandeira do Canadá. A companhia operou por pouco mais de 28 anos até em 1965, quando passou por uma transformação para adequar ao crescimento continuo da empresa. 

Passando a se chamar então, Air Canada até os dias de hoje. Ainda continua sendo uma companhia aérea que representa o país, a evolução da ‘Maple Leaf’ da sua logomarca tornou-se um detalhe icônico na marca da empresa. 

Esta será a segunda vez que a Air Canada pintura uma de suas aeronaves para reviver suas origens. Em 1997, na comemoração de 60 anos da empresa, um Airbus A319 recebeu a mesma pintura que seu A220 recebeu. 

O C-FZUH voou pela companhia canadense por mais de 20 anos, tendo sido aposentada definitivamente no começo de 2021. A medida que chegam novas aeronaves, como o A220 e o 737 MAX, a empresa tende a deixar sempre a mostra as suas origens em forma de pintura.