Air France inicia aposentadoria do Airbus A380, um ícone nacional

Foto - Porsche/Divulgação

A Air France já iniciou a aposentadoria do Airbus A380 na sua frota, ao retirar a aeronave de matrícula F-HPJB da sua frota, e enviar a mesma para a empresa de leasing, verdadeira dona do avião, a Dr. Peters Group.

A aeronave foi encaminhada para Malta, para uma revisão e repintura completa, e será  devolvida e desmontada em outro local, para a revenda de peças de reposição, e o metal como sucata, assim como está acontecendo com os primeiros A380 da Singapore, também pertencentes à Dr. Peters.

Foto – Air France Media

Ao todo a companhia operava com 10 aviões Airbus A380, e agora com 9 aviões, e relatou que todos esses aviões serão aposentados até 2022. Cinco das sete aeronaves que serão aposentadas em breve são de propriedade da Air France, enquanto o restante a companhia arrenda, através de contratos de leasing.

A companhia aérea afirma que o consumo de combustível por aeronave de quatro motores é 20-25% mais alto em comparação com os bimotores de “nova geração”, como o Airbus A350 e Boeing 777X.

O Grupo Air France-KLM disse que “o atual ambiente competitivo limita os mercados nos quais o A380 pode operar lucrativamente”.

“O aumento dos custos de manutenção de aeronaves, bem como as reformas necessárias da cabine para atender às expectativas dos clientes reduzem ainda mais a atratividade econômica dos A380 da Air France”.

Enquanto isso, o Grupo Air France-KLM disse que está estudando opções de substituição para o A380 com jatos widebody de longa distância.


Cada A380 da Air France é configurado com 516 assentos em três classes (com Premium Economy), são 8 assentos na First, 80 na Executiva, 38 na Premium Economy e 389 na Economy.

Apesar disso, a Classe Executiva do A380 não é moderna e atual como nos aviões Boeing 787, 777 e Airbus A350, este último está chegando em breve na frota da companhia.

 

Aposentadoria do 747-400 na Air France

Foto – Air France/Reprodução

Em janeiro de 2016 a Air France também aposentou outro avião de dois andares, buscando uma maior eficiência da sua frota. Essa aeronave é o Boeing 747-400.

O Boeing 747 operava na companhia há exatos 45 anos ininterruptos, com a passagem de diversas gerações pela frota. A primeira operação desse modelo foi realizada no dia 3 de junho de 1970,com um voo de Paris para Nova York operado no 747-100, recém lançado pela fabricante norte americana, Boeing.CYqf_HGW8AAQdgbeA companhia substituiu o Jumbo da Boeing por outros aviões que já estavam na sua frota, como o 777-300ER e o A380.

DEIXE UMA RESPOSTA