Foto - Air France Media

Nesta semana a Air France-KLM anunciou que vai aposentar seus 10 aviões Airbus A380 até o final de 2022, ao mesmo tempo o executivo-chefe da empresa já divulga as possíveis aeronaves que vão substituir o gigante de dois andares.

De acordo com Ben Smith, a empresa espera utilizar uma mescla de aviões A330-900neo, A350-900 como possíveis substitutos do A380 na frota da empresa.

A Air France já trocou encomendas do A350 com a KLM, sendo que a companhia holandesa ficou com as encomendas para o Boeing 787, enquanto a Air France deve receber nos próximos anos 28 aviões A350-900, inicialmente com finalidade de substituir o A340 e alguns aviões da família 777.

Boeing 787-9 da Air France. Foto – Air France/Divulgação

Enquanto isso, a companhia francesa tem 9 aviões Boeing 787-9 na sua frota, sem demais encomendas, já que repassou para a KLM, e Ben Smith disse que a empresa pode alocar parte dos aviões 787-9 para substituir o A380, visto que agora o Dreamliner é visto como um avião “diferente” na frota da empresa.

“Nove aeronaves seriam o máximo para substituir o A380”, disse Ben Smith. Lembramos que a Air France tem a mesma quantidade de aeronaves Boeing 787-9 na sua frota.

Ao mesmo tempo Ben Smith disse que a companhia negocia com a Airbus uma encomenda para o A330neo, além de um aumento de encomendas para o A350-900. Nesse caso a Air France espera utilizar essas aeronaves para também substituir os seus aviões A330-200 e 777-200/300ER futuramente.

Airbus A330-900neo.

Ben Smith disse que a companha não descarta encomendar novamente o Boeing 787-9, no lugar do A330neo, e isso só depende das negociações com as duas fabricantes.

“Se a oferta certa viesse da Boeing ou da Airbus, procuraríamos substituir outras aeronaves”, disse Smith.