A família de aviões Airbus A220 ganhou a certificação ETOPS 180 pela autoridade canadense de aviação civil, a Transport Canada, e garante que agora a aeronave pode realizar voos sem escalas entre o continente norte-americano e regiões no oeste da Europa.

O A220 é o primeiro avião comercial a obter a certificação nacional ETOPS da Transport Canada. Esse recurso está disponível como uma opção para as companhias que operam com o A220-100 e A220-300, permitindo que eles voem por até 180 minutos distante de um aeroporto capaz de alternar, em caso de falha do motor.

O A220 se destaca por sua boa autonomia de voo, sendo que a versão A220-100 pode voar até 6000 km sem escalas. Essa é a menor versão, que tem uma configuração padrão de 110 assentos em duas classes. Já a versão A230-200 que leva até 160 passageiros em classe única, pode voar por até 5200 km sem escalas. Todos esses dados contabilizam reservas de combustível.

Por causa da boa autonomia, o A220 é capaz de fazer voos de média distância, como de Los Angeles para o Havaí (Honolulu), onde o avião precisa ter certificação ETOPS para cumprir a rota.

A família A220 já registra mais de 530 pedidos firmes até o momento, e se destaca pelas grandes encomendas da Delta Airlines, JetBlue e Moxy Airways (uma nova companhia de David Neeleman).