Em 29 de maio de 1969 a história da Airbus começava, com a assinatura do contrato de desenvolvimento do A300 entre o ministro francês dos Transportes, Jean Chamant e o ministro alemão de Assuntos Econômicos, Karl Schiller.

O start para o desenvolvimento do A300 entre dois países europeus deu início a uma história de sucesso no mundo aeronáutico. Ao longo dos seus 50 anos a Airbus incorporou uma fabricante de helicópteros, a Eurocopter, aumentando seu portfólio, e ampliou sua participação no mundo das aeronaves militares, com o apoio de países europeus em seu primeiro projeto.

Na década de 80 a Airbus estreou o A320, com uma inovadora tecnologia eletrônica de controle de voo, que foi difundida na década de 90 para as aeronaves A330 e A340.

No fim do milênio a empresa aceitou o desafio de fazer o maior avião de passageiros do mundo, o A380, que fez pouco sucesso em número de unidades fabricadas, mas foi uma grande propaganda para a empresa no ramo aeronáutico.

Guillaume Faury, CEO da Airbus, disse: “A história da Airbus é de ambição e progresso, e tem sido uma vitrine da integração europeia. Ao longo de cinco décadas, reunimos empresas de aviação civil e de defesa de todo o continente. Há 50 anos, somos pioneiros em muitas inovações através de nossa paixão e inovação, transformando a indústria e ajudando a levar a sociedade adiante. A Airbus é uma história de homens e mulheres incríveis, uma história de grandes realizações no passado e, acima de tudo, no futuro”.

Nos próximos dias vamos conhecer aqui no Portal diversos detalhes sobre a Airbus e seus projetos, através de uma série de matérias especiais onde contaremos até mesmo como a empresa fabrica por mês 58 aviões da família A320.

 

Flypass

A Airbus programou para esta quarta-feira (29/05) um Fly-Pass de aeronaves atuais da empresa, com participação do A220, A320neo, A330neo, A350XWB, A380 e o novo Beluga XL.

O Fly-Pass em Toulouse foi cancelado por falta de condições meteorológicas, mas as aeronaves sobrevoaram uma considerável parte da França e do continente europeu, juntamente com aeronaves acrobáticas Dassault Alpha Jets da Patrouille de France.

No vídeo acima, produzido pela Airbus, é possível ver as aeronaves que participaram.

 

Homenagem da Boeing

Em suas redes sociais a Boeing lançou diversos vídeos parabenizando a Airbus pelos seus 50 anos de atuação no mercado aeronáutico e espacial.

Até mesmo o CEO da Boeing, Dennis Muilenburg, que nos últimos meses foi protagonista de uma série de desculpas da fabricante norte-americana por erros no 737 MAX, se pronunciou sobre o aniversário da concorrente.