A Arkia Israeli Airlines recebeu ontem o primeiro Airbus A321neo LR, uma versão de Longo Alcance do novo A321neo, que possibilita voos com até 7400 quilômetros de distância.

A aeronave foi equipada com motores CFM Leap-1A, e configurada com 220 assentos em classe econômica. O foco da companhia é operar voos com essa aeronave mais econômica para destinos onde antes precisava de um avião maior, como Paris, Zanzibar e o sul da Índia.

Esse avião vai substituir diretamente o Boeing 757-200 na frota da companhia. De acordo com os diretores da companhia, esse novo avião da Airbus é 31% mais econômico em comparação com o 757. O avião chega a ser mais eficiente até em comparação com o 757-300.

Com 220 passageiros a bordo, o A321LR da Arkia terá um alcance de 6120 quilômetros com reservas, devido ao maior peso, o alcance de 7400 km é obtido com uma configuração máxima de 206 passageiros a bordo.

A aeronave já é equipada com a modificação ACF, que aumenta o espaço aproveitável no interior, possibilitando incorporar mais 20 assentos ou disponibilizar mais espaço a bordo para os passageiros.

Modificações – ACF de série

Para fabricar um A321neo com maior capacidade de passageiros a Airbus fez algumas modificações no projeto. Anteriormente com duas portas comuns (de embarque e desembarque) à frente da asa, agora o A321neo só terá uma porta na parte frontal da aeronave, a outra foi substituída por uma janela de emergência acima da asa, que ocupa menor espaço internamente.

A terceira porta da aeronave, que agora é a segunda, foi movida ainda mais para a parte traseira, para não ficar tão próxima da saída de emergência das asas. Ela também ocupa menor espaço interno e pode ser desativada, ao custo da criação de outra saída de emergência na asa, totalizando duas.

Foto – Airbus

A parte traseira da aeronave, perto dos banheiros e da galley, agora tem o conceito Space Flex incorporado, que diminui o espaço do arranjo traseiro, e consequentemente da galley e dos banheiros. A Airbus já usa esse conceito no A320neo para conseguir atingir a capacidade de 189 passageiros.

 

Modificações de um A321neo para um A321neo LR

  1. Grande mudança na parte inferior, perto dos porões de carga, para acomodar os três tanques extras e os novos sistemas de gerenciamento de combustível e transferência de cargas. Anteriormente o A321 podia receber somente dois tanques extras.
  2. Reforços na parte inferior da fuselagem, por causa dos tanques extras.
  3. Dentro desse contexto, a aprovação da “Airbus Cabin Flex” (ACF), que teve sua estrutura superior modificada. Essa versão já tinha recebido a certificação, mas nunca com tanques extras.
  4. MTOW (Peso Máximo de Decolagem) de 97 toneladas, para adequar ao peso adicional de combustível a bordo.

Apesar disso, o cliente deverá escolher antes da fabricação da aeronave, ou no ato da encomenda, se desejam uma versão LR ou Normal, por causa das alterações envolvidas, um A321neo LR pode ter o seu desempenho diferente de outro A321neo sem os tanques extras.