O primeiro A330neo das Américas foi entregue hoje (09/05) à Azul Linhas Aéreas, por meio de contrato de leasing com a Avolon.

Com isso, a Azul se tornou a primeira companhia aérea das Américas a operar o modelo. A aeronave é a primeira das 15 A330neo compradas pela Avolon.

O primeiro destino internacional a ser operado pelo A330neo da Azul deverá ser Lisboa, partindo de Viracopos.

O A330neo, a nova geração do Airbus A330, será utilizada pela companhia para expandir sua oferta de rotas internacionais do Brasil para a Europa e Estados Unidos. Equipado com uma cabine com três classes diferentes que acomodam 34 passageiros na Business, 96 na Econômica Xtra e 168 na classe econômica, o A330neo oferece mais conforto aos viajantes, além da mais nova e mais avançada experiência a bordo, ao mesmo tempo que garante à companhia uma economia operacional incomparável.

“Estamos muito orgulhosos em ser a primeira companhia a operar o A330neo nas Américas. Essa nova aeronave desempenhará um papel essencial na nossa expansão no mercado internacional, impulsionando nossa estratégia de ter uma frota moderna e eficiente em termos de combustível”, comemora John Rodgerson, CEO da Azul.

“Com seus muitos diferenciais e a cabine Airspace, o A330neo chega para somar aos muitos prêmios de viagens da Azul”, afirma Christian Scherer, Chief Commercial Officer da Airbus. “Muita inovação, conforto diferenciado para os passageiros e 25 por cento a mais em eficiência de combustível em só uma aeronave: este é o A330neo”.

O A330neo é uma aeronave de nova geração que reúne as características do popular A330 e a tecnologia do A350 XWB. Equipado com os mais modernos motores Rolls-Royce Trent 7000, o A330neo garante um nível de eficiência nunca visto antes, queimando 25% menos combustível por assento do que as aeronaves concorrentes da geração anterior