A Airbus deu início na última quarta-feira (16/01) a construção da sua nova linha de montagem em Mobile, no Alabama, que vai abrigar a fabricação do A220 no território dos Estados Unidos, e atender às encomendas das companhias do país.

A construção dessa nova instalação deverá durar cerca de um ano, e a Airbus vai desembolsar pela estrutura cerca de US$ 300 milhões. O local deverá fabricar cerca de 4 aviões da família A220 por mês, quando estiver na sua capacidade máxima.

A produção de aeronaves está prevista para começar no terceiro trimestre de 2019 com a primeira entrega de uma aeronave A220 montada em Mobile prevista para 2020.

Em Mobile, a Airbus também realiza a montagem final da família A320ceo/neo, e disse que o local de montagem do A220 ficará adjacente ao atual.

Centro de produção da Airbus em Mobile.

Ao final de tudo a Airbus deverá empregar no local cerca de 1200 funcionários, sendo que 700 deles trabalham na linha de montagem final do A320.

Entre suas instalações nos EUA, a Airbus possui: centros de engenharia no Kansas e no Alabama; uma importante instalação de treinamento na Flórida e em breve uma no Colorado; suporte de materiais e sede na Virgínia; uma linha de montagem da Família A320 que entrega aeronaves no Alabama; um escritório focado em inovações (A3) na Califórnia; um negócio de análise de dados por drones (Airbus Aerial) em Atlanta, Geórgia; instalações de fabricação e montagem de helicópteros no Texas e no Mississippi; e uma instalação de fabricação de satélites (OneWeb), na Flórida.

Ao todo a Airbus emprega mais de 275 mil pessoas diretamente e indiretamente nos EUA.