Clique Aqui e receba as principais Notícias da Aviação em tempo real diretamente no seu Whatsapp ou Telegram.

Airbus Europa
Foto: Divulgação

Nos últimos meses publicamos que a Airbus aproveitaria as instalações de fabricação do A380 para aumentar a capacidade de produção do A321. O fim do projeto do A380 possibilita essa mudança pela fabricante, que tem agora na mão uma grande demanda por aviões menores, e de corredor único.

E nesta quarta-feira (12/05) a Airbus anunciou que vai modernizar a sua linha de montagem final da família A320 em Toulouse (França), para aumentar a digitalização dos processos, assim como realizou o mesmo procedimento em Hamburgo, com montagem guiada a laser, melhorando a precisão de construção das aeronaves.

Atual hangar de montagem do Airbus A380.

A Airbus também promete diminuir os custos de produção da família A320 com a nova tecnologia que será implementada. A nova linha de Toulouse vai empregar 500 pessoas.

A antiga linha de montagem do A380 será utilizada para a Airbus montar a nova estrutura, sem interromper a atual linha de produção do A320. 

Além de melhorar a produção do A320, a atualização possibilitará a produção do A321 em Toulouse, como esperado anteriormente. Atualmente Hamburgo e Mobile (Alabama) são os únicos locais de produção da Airbus configurados para montar o A321.

Atualmente a família A320 tem mais de 15500 aeronaves vendidas, sendo que mais de 5650 ainda devem ser entregues para 320 clientes. A Airbus acredita em um aumento da demanda do A321, impulsionado pelas versões de Longo Alcance A321LR e A321XLR.