A nova plataforma de baixo custo da Airbus Defense and Space já tem um novo candidato, a empresa fez em parceria com a Universidade de Estugarda o “satélite-laptop”, ou “laptop-voador”, como assim chama a própria fabricante europeia. E o satélite foi lançado na semana passada através de um foguete Soyuz, o mesmo que lançou 73 satélites ao mesmo tempo.

O satélite-laptop tem cerca de 110 kg e é baseado em uma nova plataforma de arquitetura totalmente on-board, que barateia o custo geral dos circuitos internos e diminui o peso geral. Ele é equipado com equipamentos de demonstração de tecnologia, como duas câmeras, uma do tipo infravermelho e outra multiespectral, um receptor AIS para rastrear navios e um laser espacial, além das tradicionais antenas e dois painéis solares.

O desenvolvimento desse satélite foi financiado pelo Estado Baden-Württemberg, com patrocínio industrial e bolsas de doutorado oferecidas pela Airbus Defense and Space. A operação do satélite é feita pela própria universidade responsável pelo desenvolvimento, através de uma estação em Stuttgart, na Alemanha.