A Airbus pode receber nos próximos dias as últimas encomendas para o avião A350-800, o menor da família A350XWB. A Asiana Airlines seria a responsável pela a última encomenda, visto que a companhia está interessada em pedir 8 aeronaves desse modelo, nesta semana a Asiana recebeu a primeira aeronave A350-900 da sua frota.

O acordo com a Asiana foi divulgado na cerimônia de entrega do primeiro A350 da companhia, que ocorreu no dia 24 de abril em Toulouse. “Estamos tentando discutir com a Asiana qual é a melhor solução para atender aos requisitos do -800”, disse o vice-presidente executivo de programas da Airbus, Didier Evrard.

Essa pode ser a investida da Airbus em relação ao A350-800, visto que a maioria das companhias preferiram trocar suas encomendas para o A330-900neo. Com esse pedido a Asiana poderia se tornar a única companhia aérea do mundo a operar as 3 variantes da família A350XWB, a Asiana também tem um compromisso firme para 10 aviões A350-1000 e será “uma das primeiras” companhias aéreas a receber a aeronave.

Asiana pode trocar suas encomendas pelo A330neo.

Evrard também sugeriu que pudesse haver uma troca de encomendas da Asiana, de forma que a companhia aérea operasse o A330-900 no lugar do A350-800, dessa forma a Airbus não precisaria criar a variante A350-800, já que a única encomenda seria a da Asiana. Com isso a Airbus também está considerando criar uma aeronave maior que o A350-1000 para concorrer com o Boeing 777-9X, caso houver demanda.

As entregas do -1000 para a Qatar Airways, que é a cliente de lançamento, devem começar ainda neste ano. Pelo menos cinco aeronaves destinadas à Qatar estão em estágio avançado de montagem final nas instalações da Airbus, em Toulouse.

Atualmente a família A350XWB já acumula 821 encomendas firmes, quase todas destinadas as variantes -900 e -1000, o A350-900 é a aeronave com mais encomendas da família, 602 no total. A Boeing já registra 306 encomendas para o 777X, que irá voar pela primeira vez em 2019, com entregas só a partir de 2020. A Airbus já registra 204 encomendas para o A330-900neo, com entregas a partir do fim de 2018.