Airbus BelugaXL

O avião de transporte de peças da Airbus, o BelugaXL poderá ter sua certificação ETOPS para fazer voos longos de transporte, especialmente sobre o mar. O BelugaXL é um aeronave construída sobre a base do Airbus A330, que é relativamente maior do que a versão anterior do Beluga, que era derivado do Airbus A300.

A Airbus criou o projeto Beluga para realizar o transporte de seus componentes para fabricação de novas aeronaves de uma fabrica a outra. O nome Beluga veio de uma das espécies de Baleia-branca que tem semelhanças com o projeto de aeronave da Airbus.

O engenheiro-chefe do programa BelugaXL, o executivo Pascal Vialleton, disse que a Airbus está buscando certificar o BelugaXL com o ETOPS-180. Significa que o avião poderá voar mais 180 minutos depois do Aeroporto alternativo que consta no plano de voo. Esta certificação é muito utilizada para aeronaves que fazem voos intercontinentais.

O foco da Airbus é ter uma aeronave capaz de levar satélites para os Estados Unidos daqui há alguns anos. Com isso a Airbus planeja certificar além das atuais aeronaves, mais dois Belugas que serão construídos. A certificação poderá acontecer em 2023.

Além do transporte de componentes da Airbus, o avião poderá ser utilizado para transportar equipamentos grandes e grandes volumes de mercadorias. Atualmente um dos grandes responsáveis por esse transporte são os Antonov 124 e 225.