O Portões Abertos da Ala 5, Unidade da Força Aérea Brasileira (FAB) localizada em Campo Grande (MS), foi realizado no domingo (09) e atraiu cerca de 40 mil pessoas, apesar da temperatura alta que chegou a 34° C. O evento contou com diversas atrações, como exposição das aeronaves SC-105 Amazonas, A-29 Super Tucano, T-27 Tucano; dos helicópteros H-1H, H-60L, H-50 (da Marinha do Brasil) e dos Fennec e Panther, do Exército Brasileiro, além de motos e carros antigos.

O público também pôde assistir a uma apresentação de salto livre de paraquedistas do Esquadrão Aeroterrestre de Salvamento (PARASAR), lançados a aproximadamente 4.000 metros de altitude, e uma apresentação de cães do Corpo de Bombeiros Militares do Mato Grosso do Sul.

Diversos serviços também foram prestados à população, como emissão de documentos, cortes de cabelo e informações sobre como ingressar na FAB. Profissionais de saúde da Força Aérea deram orientações nas áreas de odontologia, nutrição e fonoaudiologia, entre outras. 

EDA na ALA 5 em Campo Grande – Foto- FAB

Uma das atrações mais esperadas foi a Esquadrilha da Fumaça que, com suas sete aeronaves fazendo manobras no céu, atraiu a atenção do público. Durante o evento, foram arrecadados 11,5 toneladas de alimentos e 3 mil livros que serão distribuídos para instituições sociais de Campo Grande (MS).

“O evento é uma forma positiva de aproximar a sociedade civil com a rotina militar. Apesar de o evento ter atraído muitas pessoas, estava tudo muito bem organizado. Outro aspecto positivo foram as atrações apresentadas, as opções de alimentação e a cordialidade dos militares no atendimento ao público”, destacou a visitante Ana Paula Aoki.

ALA 2 

EDA alinhado e promtos para o início da apresentação

A 43ª edição do Portões Abertos da Ala 2, antiga Base Aérea de Anápolis, foi realizada no último sábado (08). Desde 1975, a Organização Militar abre seus portões à visitação pública, recebendo pessoas de todo o país e proporcionando ao visitante diversão e aprendizado sobre a rotina dos militares da FAB.

O evento contou com diversas atrações, como aeromodelismo, plastimodelismo, exposição de equipamentos do Terceiro Grupo de Defesa Antiaérea (3º GDAAE) e exposição estática das aeronaves R-35A, E-99, R-99 e F-5M,A1A AMX e A29 Super Tucano. Também houve a demonstração da Esquadrilha Fox e da Esquadrilha da Fumaça. 

O público de mais de 50 mil pessoas pôde ver, ainda, demonstração dos cães de guerra do Esquadrão de Segurança e Defesa, além de exposições comerciais e culturais da região.

Um treinamento ocorreu na ALA 2 dias antes do evento dos Portões Abertos, o mesmo começou no dia 20 de agosto e terminou no dia 6 de setembro. O exercício é feito em conjunto e tem o objetivo de instruir as Unidades de Defesa Aérea na doutrina de combate BVR (do inglês, Beyond Visual Range, ou seja, além do alcance visual). Nessa atividade, os pilotos não conseguem visualizar o alvo e devem aprender a combater gerenciando seus sistemas internos. São técnicas que estão de acordo com as utilizadas atualmente pelas unidades aéreas que fazem parte da Organização do Tratado do Atlântico Norte (OTAN).

No Exercício participam o Primeiro Grupo de Aviação de Caça (1º GAVCA) e os Esquadrões Jaguar (1° GDA), Pampa (1º/14º GAV), Pacau (1º/4º GAV), Carcará (1°/6º GAV), Guardião (2º/6º GAV), Gordo (1º/1º GT), Corsário (2º/2º GT), Poker (1°/10° GAV), Centauro (3°/10° GAV), Arara (1°/9° GAV), Onça (1°/15° GAV) e Pantera (5°/8° GAV), além do Primeiro Esquadrão de Aviões de Interceptação e Ataque (VF1A) da Marinha do Brasil.

Devido a isso o público presente pode ver bastante caças aeronaves espalhadas pela ALA2,  destes os que chamaram bastante a atenção foram os dois caças da Marinha AF-1 (A-4 Skyhawk), ambos já modernizados pela Embraer e entregues a Marinha do Brasil.

AF-1 modernizado da Marinha do Brasil
AF-1 biplace e modernizado no evento da ALA 2

Além da aviação militar que era a grande maioria, o evento de Portões Abertos contou com algumas aeronaves civis pertecentes ao Aeroclube de Goiás, sediado em Goiânia. O aeroclube levou para a ALA 2, algumas aeronaves usas em instruções, como o Cessna 150, 152, Piper PA-30 Twin Comanche e o Aero Boero AB-115.

Piper PA-30 Twin Comanche, do Aeroclube de Goiás, representando a aviação civil no evento de 2018

 

Fotos ALA 2

Fonte: FAB e Arquivos Aeroflap

Fotos: Capa e ALA5 (FAB)/ ALA 2 (Aeroflap)