Foto - Alaska Airlines

Por muito anos Everett (WA), foi uma cidade conhecida por abrigar uma enorme fábrica da Boeing, mas desde 2008 uma parte do mesmo local passou a ser administrado pelo condado de Snohomish, que administra o aeroporto.

Desde então Snohomish está agilizando as autorizações da FAA (Federal Aviation Administration) para implementar voos comerciais no aeroporto. E a Alaska Airlines foi a primeira que demonstrou interesse em operar voos comerciais nessa cidade localizada nas proximidades de Seattle.

No total a Alaska Airlines vai operar mais da metade dos 24 voos diários a partir de Painel Field, os 13 voos diários da Alaska serão operados para Las Vegas, Los Angeles, Orange County, Portland (Oregon), São Diego, São Francisco e San Jose (Califórnia).

A companhia vai usar sempre os aviões Embraer E175, equipados com 76 assentos em voos também operados por companhias terceirizadas.

A United vem em seguida, com intenção de operar seis voos diários para Denver e São Francisco, também com o Embraer E175. E a Southwest quer operar cinco voos diários para Las Vegas e Oakland com o Boeing 737-700.

Esses voos já foram solicitados, e agora estão numa lista de aprovação da FAA, que ainda precisa autorizar o Painel Field operar voos comerciais, ao mesmo tempo que abriga os voos experimentais da Boeing.

O terminal do Painel Field, que foi projetado, construído, financiado e operado pela Private Propeller Airports, deve ser concluído até o final do ano.

 

Via – FlightGlobal