Alitalia vai suspender todos os voos que partem de Milão-Malpensa

Alitalia
Foto - Alitalia

A companhia aérea italiana Alitalia está suspendendo todas as operações no Aeroporto de Milão-Malpensa, após o extraordinário decreto do governo que bloqueia a região da Lombardia devido ao surto de coronavírus.

A companhia aérea diz que interromperá todos os serviços em Malpensa, sua base de voos intercontinentais no norte da Itália, a partir de 9 de março.

A companhia manterá alguns poucos voos domésticos em Milão-Linate, como forma de manter alguma ligação com outras cidades do país. De acordo com as medidas, que vão até o dia 3 de abril, os voos de Linate servirão apenas destinos domésticos, com horários reduzidos.

A Alitalia já estava cancelando voos, uma vez que a demanda por viagens caiu após o surto de coronavírus, que afetou particularmente as cidades italianas.

Milão é um importante mercado para a Alitalia, que já enfrenta uma grande crise e pode entrar em falência nas próximas duas semanas, se não garantir um novo investidor e sócio.

A Alitalia continuará a operar voos internacionais a partir de Roma Fiumicino. Os passageiros podem pedir o reembolso da passagem, ou optarem por voar até Roma.

 

DEIXE UMA RESPOSTA