A companhia aérea australiana Alliance Airlines vai adquirir 5 aviões Fokker 100, derivados da companhia aérea suíça Helvetic Airways.

O valor da transação não foi divulgado, mas ela inclui também o repasse, por parte da Helvetic, de peças de reposição, ferramentas e motores do Fokker 100.

A Alliance Airlines vai operar voos da Austrália para o próprio país e destinos no Atlântico Sul, com base no Fokker 100, que será responsável por uma expansão da frota da companhia aérea.

A companhia Alliance Airlines já opera com 11 aviões Fokker 70, para 80 passageiros, e 25 aviões Fokker 100, para 100 passageiros, boa parte desses derivados de um acordo com a Austrian Airlines, em 2015, para adquirir aviões do modelo Fokker, quando a companhia pagou US$ 15 milhões por 21 aviões Fokker 100 e 70.

Além de focar no mercado de turismo, a Alliance Airlines, também explora o conceito de wet-lease, arrendando seus aviões com todo o serviço incluso, como tripulantes e mecânicos.

Com diversas companhias abandonando aviões da Fokker nos últimos anos, a Alliance Airlines pode ser a maior operadora dessa aeronave, ao mesmo tempo que fortalece a sua divisão de manutenção devido ao excedente de peças de reposição para aeronaves Fokker 70 e 100.

Assim como a Austrian Airlines, a Helvetic optou por aposentar o Fokker 100 e substituir por aviões da linha E-Jet, fabricados pela Embraer. A companhia tem 5 F100 em regime de armazenamento, de MSN 11324, 11459, 11466, 11478, 11501, com uma média de 26 anos de idade.