American Airlines espera gastar US$ 8,4 bilhões em novos aviões até 2024

Boeing 737 MAX American Airlines
Foto - American Airlines/Handout via REUTERS

Muitas companhias estão aproveitando o período de baixa demanda para renovar a sua frota de aviões, aposentando os mais antigos e de maior consumo de combustível.

Enquanto as companhias aproveitam esse movimento para encolher a sua frota, e adequar para a demanda atual, outras já pensam no futuro. A American Airlines é uma dessas companhias.

Em uma atualização para investidores nesta segunda-feira (22/06), a American Airlines declarou que planeja gastar cerca de US$ 8,4 bilhões em novos aviões no futuro.

A companhia deve receber cerca de 53 aviões somente em 2020, em contratos onde não é possível antecipar a entrega dessas aeronaves. No entanto, todo esse valor gasto deverá ser deste ano até 2024.

Neste ano a American Airlines deve receber um Airbus A319 já utilizado, 18 novos aviões A321neo, 12 Boeing 787-8. Se fabricante norte-americana conseguir a certificação, mais 22 aviões Boeing 737 MAX, muitos já estão estocados desde 2019.

Pelo menos a notícia é boa, a companhia que já foi relacionada à imagem de aviões velhos, agora tem, entre as três grandes, a frota mais nova, com média de idade de 10,8 anos. A frota da Delta Airlines tem uma idade média de 14,5 anos e da United Airlines de 15,8 anos.

 

DEIXE UMA RESPOSTA