A Agência Nacional de Aviação Civil (ANAC), por meio do Brazilian Aviation Security Team (BASeT), acaba de lançar o “Manual de Conscientização em Segurança Cibernética na Aviação Civil” (clique no link para acessar), o primeiro manual sobre cibersegurança (“cyber security”), voltado para o setor aéreo.

O documento foi elaborado para auxiliar as diversas organizações e empresas da aviação civil a verificar a segurança dos processos internos que utilizam tecnologia de informação e avaliar a necessidade de incremento de segurança. 

O manual tem ainda como objetivo oferecer às organizações um material de apoio de fácil acesso para ajudá-las a promover e divulgar o tema junto a seus colaboradores, ressaltando a importância de zelar pela segurança dos ativos de Tecnologia da Informação e da Comunicação (TIC).

O fomento dessa cultura de segurança é importante uma vez que ameaça cibernética é uma ação perpetrada com o objetivo de acessar sistemas, de forma ilegal, utilizando o ciberespaço, para causar danos patrimoniais ou à imagem dessas organizações.

As informações contidas no manual poderão servir de base para a realização de avaliação de risco em cibersegurança por operadores da aviação de forma geral. Essa avaliação encontra previsão em regulamentos como o Regulamento Brasileiro da Aviação Civil (RBAC) nº 107 para operadores de aeródromo e o RBAC nº 108 para operadores aéreos.

A produção do Manual foi encabeçada pelo subgrupo 4 do BASeT (clique no link para acessar), que, além de servidores da ANAC, conta com a participação de funcionários de operadores aéreos, de operadores de aeródromos e associações, empresas de tecnologia e do Departamento de Controle do Espaço Aéreo (DECEA).

Manual de Conscientização em Segurança Cibernética na Aviação Civil pode ser acessado por meio deste link (clique para acessar) ou na página do BASeT (clique para acessar) no portal da ANAC . 

 

DEIXE UMA RESPOSTA