GOL Boeing 737 MAX

Após pouco mais de 20 meses, a GOL Linhas Aéreas retomou seus voos para Cancún a partir de seu hub no Aeroporto Internacional de Brasília. A companhia está retomando seus voos internacionais de forma gradativa.

Os voos para Miami, Orlando e Cancún foram suspensos em março de 2020 no começo da pandemia de Covid-19. A pandemia fez com que milhares de voos fossem cancelados devido a baixa demanda e também a restrições de viagens impostas pelos países.

O voo G3 7734 operado pelo Boeing 737 MAX 8 de matrícula PR-XMC, decolou de Brasília às 09h47, com previsão de chegada em Cancún às 15h15(Horário local). A aeronave é configurada para transportar 186 passageiros dividas em duas classes de serviço, a Premium Economy e a Econômica.

A GOL anunciou o retorno dos voos entre Brasília, Miami e Orlando para maio de 2022. As outras cidades que também recebiam voos da companhia para os EUA, Fortaleza e Manaus, até o momento estão sem a data de retorno, a companhia aérea afirmou que está avaliando as melhores datas.

As rotas internacionais da GOL encontram-se em processo de retomada gradativa e consciente, iniciada neste mês de novembro com Montevidéu, no Uruguai, Cancún, no México, e Punta Cana, na República Dominicana. Esse reinício está ligado ao avanço da vacinação no País e às melhorias das condições favoráveis nos destinos atendidos, como a abertura de fronteiras, a necessidade ou não de quarentena, um maior controle da pandemia e a volta segura das atividades turísticas. 

As cidades de Orlando e Miami são gigantes do turismo e dos negócios internacionais e estão entre as localidades que mais atraem brasileiros no exterior. Pela GOL, ambos os destinos vão receber quatro saídas semanais de ida e volta a partir de Brasília.

DEIXE UMA RESPOSTA