Flapper Aviação Executiva Táxi Aéreo
Flapper/Divulgação.

A modalidade de voos compartilhados tem potencial de crescimento de pelo menos 3x nos próximos dois anos, de acordo com o aplicativo de aviação executiva Flapper.

A Flapper , empresa de voos executivos sob-demanda, divulgou hoje(12) as estatísticas referentes às vendas de voos compartilhados por empresas de táxi aéreo cadastradas em seu aplicativo.

A oferta desse tipo de voo em abril de 2021 cresceu 244% em relação ao mesmo mês de 2019, no período pré-pandemia, enquanto a oferta de assentos cresceu 232%, no mesmo período.

De acordo com a Flapper, o crescimento do setor de mobilidade aérea no Brasil foi impulsionado pelas novas regras implementadas pela ANAC no ano passado. Em agosto de 2020, as empresas de táxi aéreo foram autorizadas a vender assentos individuais para passageiros.

A medida foi implementada para trazer mais opções de transporte para pessoas e cargas durante a pandemia. Com isso, inúmeros operadores de táxis aéreo, que antes evitavam vender assentos individuais, passaram a oferecer seus voos em massa – diretamente ou por meio de intermediários.

Paul Malicki, CEO da Flapper, observa que o mercado ainda é amplamente subutilizado, com apenas 1/6 de todos os operadores aproveitando a nova legislação.

“Atualmente, vemos cerca de 20 operadoras oferecendo tal chamadas “pernas vazias” em nossa plataforma. No entanto, o Brasil conta com 125 empresas de táxi aéreo e esperamos triplicar a oferta nos próximos dois anos,” aponta o executivo.

Malicki argumenta ainda que cerca de 15-20% de todos os voos da aviação geral no Brasil vão ou voltam vazios dos destinos, porque o cliente comprou só um trecho. E essa é uma oferta que pode ser facilmente comercializada entre voos de passageiros e de carga.

Atualmente, as quatro principais companhias aéreas que publicaram o maior número de voos compartilhados mantêm quase 50% do market share. Embora a maior parte da oferta de voos compartilhados englobe os voos de perna vazia, a Flapper enxerga oportunidade para ampliação de rotas fixas.

Atualmente, a empresa oferece voos regulares semanais para Angra dos Reis, com até 10 rotas adicionais para feriados e está negociando com seus parceiros a ampliação das rotas fixas para trechos como São Paulo – Jacarepaguá e São Paulo – Pampulha.

 

Via: Flapper