Emirates Airbus A380
Foto - Divulgação

Em um relatório divulgado hoje (15), a Emirates anunciou oficialmente que um Airbus A380 foi retirado de sua frota, os outros quatro aviões que estão sem voar não, irão voltar as operações pela companhia aérea.

Os Airbus A380 mais antigos da Emirates possuem mais de 13 anos de idade, com mais de 46 mil horas de voo realizadas. O primeiro a ser retirado oficialmente foi o A6-EDB, os outros quatro são o A6-EDA, EDC, EDD e EDE. 

A Emirates ainda tem outros quatro Airbus A380 a receber até meados de 2022, sendo esses os últimos a serem entregues. Há alguns meses, a companhia aérea afirmou que mesmo com a chegada de novos aviões como o Boeing 787 e o Airbus A350, o ‘superjumbo’ continuará em operação até pelo menos 2026. 

“A companhia aérea recebeu 3 A380s e, simultaneamente, aposentou 10 de suas aeronaves mais antigas durante o exercício (9 B777-300ER e 1 A380). Além disso, 4 A380s foram retirados de operação porque estão atualmente aterrados e não se espera que sejam usados ​​antes das datas de aposentadoria programadas no próximo ano financeiro.” Disse a Emirates em comunicado.