AH-64E Apache Austrália helicóptero
Imagem via Boeing Austrália.

O Governo da Austrália anunciou ontem (09) a compra de 29 helicópteros de ataque Boeing AH-64E Apache Guardian e 12 helicópteros Sikorsky MH-60R Seahawk. O investimento total é de US$ 8 bilhões para a compra das aeronaves e US$ 860 milhões para modernização de infraestruturas. 

Os MH-60R vão substituir os helicópteros MRH-90 Taipan, que vem apresentando estouros de orçamento e baixa disponibilidade nos últimos anos. O contrato inclui um MH-60 adicional para substituir uma aeronave perdida em um acidente em outubro do ano passado. Atualmente a Marinha Real Australiana opera 23 helicópteros MH-60R.

MH-60R Seahawk da Marinha Real Australiana armado com mísseis AGM-114N Hellfire. Foto: RAN.

Enquanto o Seahawk já está presente na frota de Canberra, o Apache Guardian é novo aos australianos. Os 29 helicópteros da Boeing foram adquiridos para substituir os também problemáticos ARH Tiger da Aviação do Exército. O AH-64E foi selecionado pela Austrália ainda em janeiro de 2021. 

A Austrália recebeu seus primeiros Tigers em 2004, mas as aeronaves só atingiram sua capacidade operacional total em 2016, planejada originalmente para 2009. As aeronaves deverão ser substituídas pelos Apaches a partir de 2025. O Bell AH-1Z Viper também participou da concorrência para substituir os Tigers australianos. 

Eurocopter (Airbus Helicopters) Tiger. Foto: Airbus.

O primeiro-ministro Scott Morrison disse que os investimentos são fundamentais para o plano do governo para uma Austrália segura e protegida diante da incerteza regional e global.

“Nosso mundo e nossa região estão mudando, mas estamos investindo um recorde de US$ 270 bilhões na defesa e segurança da Austrália na década até 2030”, disse o primeiro-ministro.

“A Austrália e nossa região estão agora no meio do realinhamento estratégico mais consequente e desafiador desde a Segunda Guerra Mundial. Mas esses investimentos não apoiam apenas a Força de Defesa Australiana, eles apoiam empregos e habilidades locais aqui mesmo.” Segundo o governo, os investimentos nos helicópteros ainda criarão cerca de 300 novos postos de trabalho no país.

MH-60 R EUA Austrália
Helicópteros MH-60R da Marinha Real Australiana. Foto: RAN.

Os MH-60R serão sediados na Estação Aeronaval de Albatross, em Nova Gales do Sul. A base está recebendo investimentos na ordem dos US$ 360 milhões na sua infraestrutura para receber as novas aeronaves.

Melissa Price, ministra australiana para Indústria de Defesa, disse que a análise econômica mostrou que o programa MH-60R criaria 90 novos empregos e apoiaria 510 trabalhadores, principalmente nas comunidades ao redor da HMAS Albatross.

“Esses investimentos são sobre nossa segurança estratégica e sobre a segurança das habilidades e empregos australianos”, disse a ministra. 

AH-64E
Helicópteros AH-64E Apache nas cores do Exército Australiano. Arte: Boeing

O governo não revelou onde os AH-64E serão sediados, mas é provável que pelo menos uma de suas bases seja a Robertson Barrakcs, em Darwin, que é sede do 1º Regimento de Aviação. O governo investirá até US$ 500 milhões para atualizar as instalações para apoiar os novos helicópteros. 

“Os Apaches serão uma parte fundamental da capacidade aérea australiana em nossas forças”, afirma a ministra Price. “O Apache também terá uma força de trabalho de manutenção combinada altamente qualificada, composta por uma grande proporção de empreiteiros da indústria australiana dentro das organizações de Manutenção Operacional e Profunda.”

As entregas dos dois modelos devem se iniciar em 2025.