Austrian Airlines deve receber aporte de 600 milhões de euros para manter operações

A Austrian Airlines conseguiu obter um auxílio estatal de 600 milhões de euros, em forma de financiamento, para ajudar a companhia do Grupo Lufthansa a cobrir seus gastos durante este período de baixa demanda.

Um dos requisitos para receber o auxílio estatal é a manutenção do seu hub em Viena, oferecendo importantes conexões entre a Europa Central e a Oriental.

Cerca de 150 milhões de euros serão derivados de auxílios estatais, e os outros 150 milhões são provenientes a partir do Grupo Lufthansa, que deve receber nas próximas semanas um financiamento estatal de 9 bilhões de euros. Outros 300 milhões de euros serão obtidos por empréstimos em bancos privados, com vencimento anual até 2026.

Anteriormente, os trabalhadores de solo concordaram com um corte salarial, que se resultará em uma economia adicional de € 300 milhões (US$ 330 milhões) nos próximos quatro anos. No entanto, o seu retorno dos voos comerciais foi adiado para o dia 15 de junho. 

“A Austrian Airlines é uma parte fundamental da estratégia multi-hub adotada pelo Grupo Lufthansa. Graças a este pacote de resgate, nos vemos em posição de reconstruir o centro de voo em Viena após a crise e conectar a Áustria a importantes destinos na Europa e no mundo”, afirmou o CEO do Grupo Lufthansa, Carsten Spohr.

 

DEIXE UMA RESPOSTA