Boeing 737 China Donghai Airlines briga
Foto: Foto: Windmemories / Simple Flying

Uma confusão entre um piloto e um comissário de voo durante a viagem de Nantong para Xian na China, acabou chegando as vias de fato. O voo DZ-6297 no dia 20 de fevereiro, estava sendo operado pelo Boeing 737-800 de matrícula B-5311 da companhia aérea chinesa Donghai Airlines.

Faltando cerca de 50 minutos para o pouso, o comandante do voo deixou a cabine de comando para poder ir ao banheiro. Ao chegar ao banheiro, um passageiro estava em pé no corredor aguardando para usar o mesmo banheiro que o comandante do Boeing 737. 

Ao sair do banheiro o comandante se deparou com o passageiro ainda em pé no corredor aguardando. Segundo o piloto os passageiros não são autorizados a ficar próximo aos banheiros utilizados pelos pilotos para evitar uma possível agressão e ocasionar uma emergência a bordo.

O comandante relatou ao comissário sobre a não permissão e acusou o comissário de bordo de ser negligente com seu trabalho. Pois o comissário deveria ter instruído o passageiro a voltar ao seu lugar até que o comandante deixasse o banheiro, algo que não ocorreu. 

Após a conversa mais tensa, o piloto e o comissário partiram para uma briga física que deixou algumas sequelas nos dois. O comissário fraturou um braço e o comandante perdeu um dente, segundo relatos de passageiros, a briga teve inicio por parte do piloto.

A companhia aérea Donghai Airlines disse ontem(08) que o incidente de fato aconteceu, e suspendeu tanto o comandante com o comissário de bordo. A Administração de Aviação Civil da China(CAAC) disse que tomou medidas para que casos como este não voltem a acontecer. 

 

Fonte: Reuters / The Aviation Herald