Aeronave da Avianca Brasil no Aeroporto de Guarulhos.

Mesmo sem obter seus slots de volta, visto que a justiça autorizou que a ANAC redistribuir os slots, a Avianca Brasil continua com a programação de realizar às 14h00 de amanhã (10/07) o seu leilão de ativos.

A companhia continua utilizando os seus slots para constituir as UPIs do leilão, mesmo depois da Avianca perder duas vezes o seu direito de posse dos slots na justiça. 

Sem os slots, o leilão da Avianca Brasil pode fracassar, visto que não haverá ativos para incorporar nas UPIs que serão leiloadas.

Em nota, a Avianca Brasil acrescentou que, caso o leilão não ocorra, “espera que a Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) siga as regras atuais de distribuição de slots, garantindo o princípio da segurança jurídica”.

A Agência Nacional de Aviação Civil espera fazer essa redistribuição o mais breve possível, são no total 41 disputados slots da Avianca Brasil no Aeroporto de Congonhas, contra 236 da LATAM e 235 da GOL.

Pelas normas da ANAC, cerca de 50% desses 41 slots seriam distribuídos entre as companhias que operam no local, ou seja, a GOL, LATAM e Azul. Os outros 50% seriam repassados para novas entrantes, como a Globalia, Passaredo, Twoflex e Sideral.