Foto - Prefeitura de São José dos Campos

Há pouco mais de um mês do início da operação, a Azul já vende passagens para seu novo destino: São José dos Campos. A cidade do interior de São Paulo voltará a receber voos regulares após dois anos.

As frequências da Azul terão como destino o aeroporto Santos Dumont, no Rio, e começarão no dia 03 de setembro.

Por semana, a companhia irá operar dez voos entre as cidades, com as aeronaves modelo ATR 72-600, que tem capacidade para até 70 passageiros. Os bilhetes estão disponíveis para compra a partir de R$ 94,47 ou por 3 mil pontos no TudoAzul em todos os canais oficiais de venda da empresa.

Assim que reinaugurada, São José dos Campos será a 108ª base de operação da Azul e o 100º aeroporto do país a ser atendido pela empresa, um recorde na história da aviação brasileira. A cidade do interior paulista será a quarta base a ser aberta pela companhia neste ano. Antes, Córdoba e Rosário, na Argentina, e Mossoró, no Rio Grande do Norte, já haviam começado a receber voos da Azul.

Com a regularidade das operações, a expectativa da companhia é oferecer maior comodidade aos clientes que partirem de São José, como ressalta o diretor de planejamento de malha da Azul, Daniel Tkacz.

“Estamos seguros de que São José tem potencial para garantir a permanência das nossas operações, assim como acreditamos no potencial da cidade para, futuramente, ampliarmos a oferta que estamos começando a oferecer. na possibilidade de ampliarmos a oferta que vamos oferecer. Nossa intenção é trazer uma nova opção ao morador local, evitando um deslocamento até Guarulhos, por exemplo. A inauguração desse novo mercado ampliará ainda mais a nossa malha e permitirá aos clientes de São José chegar a todas as partes do Brasil voando conosco”, afirma Tkacz.

Destino dos voos com origem em São José, o aeroporto Santos Dumont, no Rio, tem uma média diária de 35 voos da Azul para 12 destinos. Os passageiros que saírem da cidade paulista terão a possibilidade de realizar conexões imediatas para as cidades de Vitória, Confins, Campos dos Goytacazes, Ribeirão Preto, Curitiba, Porto Alegre e Goiânia. Ajustes nos horários de alguns voos foram realizados para melhorar a conectividade