Azul

A Azul, a maior companhia aérea do Brasil em número de voos e cidades atendidas, divulgou nesta quinta-feira (09/12) os resultados preliminares de tráfego de novembro de 2021.

O tráfego doméstico de passageiros (RPKs) aumentou 22,9% em relação a novembro de 2019, frente a um aumento de 24,2% da capacidade doméstica (ASKs), resultando em uma taxa de ocupação de 81,3%. Em comparação com 2020, o aumento na demanda foi de 44,6%

“Em novembro, continuamos observando a melhora nas tendências de reservas no Brasil, impulsionada por uma das maiores taxas de vacinação do mundo. Nossos fortes números de tráfego demonstram claramente a sustentabilidade das vantagens competitivas do nosso modelo de negócio, enquanto emergimos da crise ainda mais fortalecidos”, diz John Rodgerson, CEO da Azul.

Continua depois do anúncio

Já no mercado internacional a Azul registra uma alta de 52% na demanda em relação ao mesmo período de 2020. Porém, a queda em relação a novembro de 2019 é de 72% na demanda.

Veja mais detalhes na tabela abaixo:

Continua depois do anúncio