F-35A Lightning II da USAF

A empresa britânica de BAE Systems ganhou um contrato da Lockheed Martin para modernizar a suíte de guerra eletrônica (EW) do caça F-35 Lightning II. A BAE Systems é uma das parceiras da fabricante do caça Lockheed Martin.

A atualização irá se concentrar no sistema AN/ASQ-239 EW, que colocaram os F-35 que tiverem essa atualização no status de bloco 4.

Caça F-35B da RAF decola da base de Akrotiri, Chipre- Foto: Crown Copyright / UK MOD

“O F-35 estará em serviço por décadas e estamos comprometidos em fornecer aos nossos pilotos uma capacidade AN / ASQ-239 que ofereça uma vantagem operacional EW decisiva e sustentada”, disse Deborah Norton, vice-presidente do F-35. Soluções na BAE Systems.

O bloco 4 é o mais avançado em relação aos 1, 2 e 3. A importância deter uma boa suíte eletrônica em um cenário onde a guerra eletrônica está cada vez ficando mais usada, é essencial para o sucesso no combate.

“Nossa arquitetura robusta e modular nos permite inserir eficientemente novos recursos, apoiando a próxima onda de inovação técnica, ao mesmo tempo em que abordamos proativamente a sustentabilidade total do ciclo de vida do produto.”

 

Fonte de apoio: Flight Global