Boeing 747 BBJ Alberto Pinto
Foto: Le Cabinet Alberto Pinto

Há algumas semanas fizemos algumas matérias sobre aviões executivos e seus interiores, praticamente foram todos os modelos oferecidos pela Boeing em seu portfolio Boeing Business Jet. Agora vamos conhecer a maior aeronave privada do mundo e que conta com um interior projetado exclusivamente para ele, o Boeing 747-8 BBJ.

O dono desse ‘palácio’ voador é um empresário do Oriente Médio, o nome não foi revelado mas já podemos imaginar que dinheiro não é problema para ele. Este foi o primeiro avião dessa proporção projetado pela empresa francesa Cabinet Alberto Pinto, empresa do renomado e muito conhecido designer de interiores Alberto Pinto.

Alberto Pinto faleceu em 2013, era marroquino e deixou um grande legado de milhares de decorações exclusivas e com alto valor. O projeto do 747 BBJ liderado por Yves Pickardt se iniciou em 2012 e foi concluindo em 2015, tornando-se um dos maiores projetos já feitos pela casa parisiense.

A casa parisiense Alberto Pinto já realizou outros grandes projetos para aeronaves como o Gulfstream, Global além dos conhecidos 737 BBJ e A319ACJ. Segundo Yves, o cliente pediu acabamento mais simples e deixou que a equipe tomasse todas as decisões do projeto.

“O proprietário deu-nos carta branca. Ele não estava procurando por nada ultrajantemente luxuoso, com ouro e diamantes. Pelo contrário, ele pediu um pouco de simplicidade, o que no final é de fato o verdadeiro luxo. Esse projeto é um sonho tornado realidade que acontece apenas uma ou duas vezes na vida de um designer. De certa forma, este é um marco na história da aviação.”

Com aval dado pelo felizardo proprietário, a equipe buscou acrescentar tons modernos e cores mais naturais aos moveis e acabamentos. Logo na parte dianteira da aeronave, a cabine localizada abaixo do cockpit do jumbo se tornou o quarto principal. O motivo da escolha do espaço foi justamente tentar proporcionar mais silêncio devido a distância para os motores.

A cama fica localizada no centro do quarto, e possui acabamentos em tons de ‘madeira clara’. Alguns detalhes em tons mais escuros para pequenas prateleiras e luminárias dão um contraste com as luzes que se localizam em duas timonarias fixadas na parede, além da luz continua no teto em todo o quarto, complementada com pequenas lâmpadas espalhadas. 

Foto: Le Cabinet Alberto Pinto

Para que não se torne uma cor muito monótona, o piso foi escolhido em tom mais claro com listras continuas por todo o espaço. O banheiro da suíte principal é amplo e substitui algumas cores da parede, de tons de ‘madeira clara’ para um quase dourado com detalhes mais escuros. 

Há um grande espelho junto a pia, o que mostra o espaço que é grande e foi bem utilizado pelos designers. O box possuí apenas uma porta para ter acesso ao chuveiro. Ainda nessa mesma suíte, existe um espaço de convivência com um sofá e uma mesa personalizada, o piso segue o mesmo escolhido para aonde está a cama, decorado com tons modernos e linhas.

Foto: Le Cabinet Alberto Pinto
Foto: Le Cabinet Alberto Pinto

Na entrada principal da aeronave há o acesso para a suíte principal e também a escada que da acesso ao deck superior do 747. Com uma iluminação central e lâmpadas espalhadas, a decoração leva alguns tons artigos e o acabamento em tons mais claros. 

Foto: Le Cabinet Alberto Pinto

No deck superior, há uma sala de estar com televisão e um grande sofá. A decoração em quase tom único nas paredes, um tom mais claro para fazer contraste aos tons de ‘madeira escura’ escolhidos para o painel da TV e das portas além da mesa. As paredes possuem espaço para livros e quadros, a iluminação mais centralizada para suavizar o espaço.

Foto: Le Cabinet Alberto Pinto

O sofá recebeu uma cor oposta ao piso e os painéis com a mesa, além das almofadas em cores diferentes. 

No deck inferior possui logo depois do saguão, salão principal com sofás e cadeiras individuais. O espaço teve o acabamento mais voltado para formas geométricas desde o formato das luzes, até as luminárias e sofás. O espaço busca unir um pouco das cores utilizadas nos outros ambientes. 

Foto: Le Cabinet Alberto Pinto
Foto: Le Cabinet Alberto Pinto

No mesmo espaço há poltronas configuradas para conversas mais particulares com uma mesa centralizada entre os assentos. Mais adiante, há um escritório que também pode se transformar em local de refeições com mais pessoas. 

O espaço possui duas mesas, uma mesa retangular com quatro poltronas grandes revestidas em couro em tons mais claros e outra mesa arredondada com seis poltronas com detalhes escuros na parte central do assento. 

Foto: Le Cabinet Alberto Pinto
Foto: Le Cabinet Alberto Pinto
Foto: Le Cabinet Alberto Pinto

Mais atrás, há outras suítes para convidados ou familiares descansarem com privacidade e muito conforto. No espaço há camas de casal e poltronas além de uma mesa para acomodar objetos. O espaço possui o mesmo piso da suíte principal porém em tons bem mais claros em seu acabamento.

Na última parte, o proprietário poderá levar convidados e funcionários em uma configuração totalmente executiva 2x2x2. As poltronas reclinam totalmente virando quase uma cama com luzes e entretenimento individual.

Foto: Le Cabinet Alberto Pinto

Este projeto foi classificado por Yves como “sonho de um designer que se tornou realidade. Decidimos ir com um estilo moderno suave, que é um tanto clássico. É fácil reconhecer um forte toque francês, uma homenagem ao art déco francês e aos nossos fabricantes de selas mais famosos. Usamos apenas materiais nobres, todos da melhor qualidade disponível é claro, como madeira, (Wakapou Africano e Sycamore), pedra, lã e tecidos de seda, couros naturais.” 

“Começar a projetar o interior de uma aeronave de 420 metros quadrados permite que você participe de um clube muito pequeno de designers de interiores. Apenas um punhado de menos de oito especialistas em todo o mundo tiveram o privilégio de projetar tais aeronaves.”

“Esse projeto é um sonho tornado realidade que acontece apenas uma ou duas vezes na vida de um designer. De certa forma, este é um marco na história da aviação. Funcionários da Boeing Company que visitaram a aeronave disseram que pode ser uma das aeronaves de grande porte mais bonitas já feitas” Completou.