Boeing 747 sofre severo tail strike enquanto decolava

Neste último sábado (01/02) um cargueiro Boeing 747-400 da ACT Airlines, de matrícula TC-MCT, teve um severo tail strike enquanto decolava de Dammam, na Arábia Saudita.

A aeronave estava cumprindo o voo SV-919 para Zaragoza, na Espanha, e decolou através da pista 16R de Dammam.

O tail strike é quando a aeronave bate a parte traseira da fuselagem na pista, seja na decolagem ou pouso, causando danos no revestimento da fuselagem, e em algumas vezes até mesmo estruturais, como no caso desse 747.

Os pilotos notaram o erro durante a decolagem, e pararam a subida quando estavam à 7000 pés, posteriormente a aeronave subiu até 10000 pés e os pilotos optaram por realizar um pouso de emergência em Jeddah, na Arábia Saudita.

A aeronave subiu para o 15000 pés e depois para o 18000 pés, para voar até Jeddah, e pousou no local cerca de 2h50 após a decolagem.

Não há informações no momento se a aeronave teve um problema de balanceamento de carga, ou erro dos pilotos na decolagem.

O Boeing 747-400 está até o momento parado no solo do Aeroporto de Jeddah, e deve ser reparado até ser liberado para realizar novos voos.


DEIXE UMA RESPOSTA