Boeing aponta mais um problema no 787 Dreamliner

Boeing 787
Foto - Boeing

A Boeing descobriu mais problemas envolvendo a linha de produção do 787 Dreamliner. Após descobrir problemas de controle de qualidade na produção da fuselagem, a Boeing agora encontrou problemas de produção nos estabilizadores horizontais da aeronave.

De acordo com as análises da fabricante, os estabilizadores horizontais do 787 Dreamliner podem ter um envelhecimento precoce, devido a um excesso de força aplicada durante a junção de alguns componentes na fabricação.

Estabilizador horizontal do Boeing 787.

Contudo, a fabricante norte-americana ressaltou que nenhum avião precisa de correção imediata, visto que não há aeronaves 787 em atividade com risco de ter esse problema, até mesmo pela idade das mesmas.

No longo prazo os clientes da empresa vão precisar corrigir esse problema, substituindo componentes nas revisões (checks).

A Administração Federal de Aviação dos Estados Unidos (FAA) está no momento realizando uma investigação sobre os problemas de fabricação da Boeing, após vários defeitos encontrados em pontos diferentes da produção.

 

DEIXE UMA RESPOSTA