Boeing conseguiu em agosto o primeiro pedido para o 737 MAX em 2020

Boeing 737 MAX
Foto - Divulgação

A Boeing divulgou nesta terça-feira (08/09) que conseguiu receber em agosto seu primeiro pedido de 2020 para o Boeing 737 MAX.

De acordo com a fabricante norte-americana, o pedido partiu de uma aérea polonesa, para dois aviões 737 MAX. Além disso, no mesmo mês a Boeing recebeu mais três pedidos para o MAX, de um cliente não identificado.

Contudo, somente em 2020 o projeto do 737 MAX amarga o cancelamento de 445 encomendas. A empresa não estima quando pode conseguir recuperar essas encomendas canceladas.

No momento a fabricante tenta certificar novamente o 737 MAX, para corrigir erros de projeto e possibilitar que este avião realize voos comerciais. O 737 MAX está impedido de voar desde março de 2019, quando um segundo acidente apontou problemas no software de controle de voo da aeronave.

Ao todo a Boeing tem 3408 pedidos firmes para a família 737 MAX, e já entregou 387 aviões. A fabricante também tem mais de 400 aviões já produzidos e estocados, prontos para a entrega.

 

DEIXE UMA RESPOSTA