KC-46A procede Revo em caça F-15 Eagle- Foto: Boeing

A Força Aérea dos EUA concedeu hoje à Boeing um contrato de US $ 2,6 bilhões para 15 aeronaves-tanque KC-46A, peças de reposição, equipamentos de apoio, motores sobressalentes e kits de pás de reabastecimento a ar.

Com este quinto lote de produção, a Boeing agora está contratada para fabricar 67 KC-46A Pegasus.

A Boeing recebeu seus dois primeiros lotes de produção, para 7 e 12 aeronaves, em agosto de 2016. O terceiro lote, para 15 aeronaves, foi concedido em janeiro de 2017; o quarto lote para 18 aeronaves em setembro de 2018.

“Estamos honrados em construir o avião-tanque da próxima geração da Força Aérea e apreciamos a importância deste programa para nossa nação”, disse Jamie Burgess, vice-presidente e gerente de programa do Boeing KC-46A. “Este foi um ano marcante para o KC-46 e uma grande razão para isso é a nossa grande parceria com a Força Aérea. Esperamos realizar grandes coisas juntos nos próximos anos. ”

KC-46 Foto – Boeing/Divulgação

O planejado é construir 179 aeronaves de reabastecimento baseadas no 767, para que a Força Aérea substitua sua frota de aviões-tanque. A empresa entregou os primeiros aviões-tanque à Força Aérea em janeiro de 2019.

A fabricante recebeu seu contrato inicial em 2011 para projetar e desenvolver o mais novo avião-tanque da Força Aérea. O KC-46A é um navio-tanque multifuncional que pode reabastecer aeronaves militares aliadas e de coalizão compatíveis com os procedimentos internacionais de reabastecimento aéreo e pode transportar passageiros, carga e pacientes.

A empresa norte-americana está montando aeronaves KC-46 em suas instalações em Everett, Washington, e recentemente iniciou a produção do primeiro KC-46 para o Japão.

 

FONTE: Boeing

DEIXE UMA RESPOSTA