A Boeing adiou o desenvolvimento do novo 777-8X, uma versão de menor tamanho da linha 777X.

De acordo com a fabricante norte-americana, essa alteração foi realizada para “reduzir o risco no programa de desenvolvimento, garantindo uma transição mais suave para o 777-8”.

A Boeing tinha como meta realizar o primeiro voo do 777-8X em 2021, porém agora não há uma nova previsão relativa ao primeiro voo desta aeronave, que também serve como um marco no programa de testes e certificação do avião.

Por enquanto a Boeing lista o desenvolvimento do 777-8X como suspenso, no geral cerca de 53 encomendas para o 777-8X foram realizadas. A Boeing disse que continuará trabalhando com clientes atuais e potenciais do 777X. “Isso inclui nossa valiosa cliente Qantas, acrescenta a empresa.

A Qantas disse que pode escolher o 777-8X para voos diretos da Austrália até os Estados Unidos e Europa.

O 777-8 é projetado para transportar 384 passageiros em uma configuração de duas classes, e voar até 16170 km sem a necessidade de reabastecimento.

 

Via – FlightGlobal