F-35A da USAF. Foto: Tom Demerly / TheAviationist

Um caça F-35A Lightning II da USAF, caiu na noite de ontem na a Base Aérea de Eglin, na Flórida. Segundo informações da força aérea o caça pertencente ao 58º Esquadrão de Caças, se acidentou por volta das 21h30, horário local. O piloto abordo conseguiu ejetar em segurança e passa em.

Após o acidente e os relatos nas redes sociais que um caça furtivo F-35 teria caído na base de Elin, a USAF emitiu um comunicado, confirmando publicamente o acidente com o Lightning II.

O Esquadrão de caças 58º tem como missão a treinar pilotos e mecânicos de voo para o Lockheed F-35A Lightning II, além é claro de garantir a segurança regional com estes caças furtivos.

Esse foi o primeiro acidente envolvendo um caça F-35 da USAF. Antes desse um F-35B, dos Fuzileiros Navais caiu na Carolina do Sul, em 2018. Outro acidente envolvendo o caça furtivo, aconteceu com um F-35 da JASDF (Força Aérea de Alto Defesa do Japão), a queda do caça aconteceu em abril de 2019 e o piloto morreu no acidente.

F-35A taxiando para decolagem- Foto Ilustrativa -(Us Airforce photo by R. Nial Bradshaw)

Um fato curioso é a infeliz coincidência da queda de dois caças furtivos da USAF em tão pouco tempo. No dia 15 de maio, um F-22 Raptor caiu a noroeste da base aérea de Eglin, enquanto estava realizando um treinamento. Na ocasião do acidente o piloto também conseguiu ejetar e passa bem.

A base aérea de Eglin afirma que as investigações das causas dos dois acidentes serão realizadas.

DEIXE UMA RESPOSTA