F-5 Tiger III Chile Canopy FACh
Caça F-5E do Chile fez pouso de emergência após perder o canopy em voo. Foto via redes sociais.

Um avião de caça Northrop F-5E Tigre III da Força Aérea Chilena (FACh) perdeu seu canopy em voo na última terça-feira (14). Ninguém se feriu.

A aeronave saiu da Base Aérea de El Tepual (SCTE) em Puerto Montt, no sul do país, tendo como destino a capital Santiago. Pouco depois de decolar, a capota se desprendeu do caça, forçando o piloto a retornar para El Tepual e executar um pouso de emergência.

O canopy do caça caiu em Puerto Octay e ficou destruído.

Imagem via redes sociais.

O incidente com o F-5 do Chile ocorreu apenas um dia depois de um similar, com um T-38 Talon da Força Aérea dos EUA. Na segunda-feira, um T-38C da Base Aérea de Vance perdeu seu canopy em voo durante um voo de instrução. 

Assim como no caso chileno, os aviadores norte-americanos não se feriram e a peça do avião foi encontrada posteriormente. Tanto o F-5 quanto o T-38 tem origem no design N-156 da Northrop. 

A FACh opera cerca de 10 F-5E e três F-5F de dois lugares, todos modernizados pela Israel Aerospace Industries na década de 1990 para o padrão Tigre III. Os jatos novos aviônicos, integração com mísseis Python, capacete com display integrado (HMD), o radar multimodo Elta EL/M-2032 e outras melhorias.