Clique Aqui e receba as principais Notícias da Aviação em tempo real diretamente no seu Whatsapp ou Telegram.

Um caça MiG-29K da Marinha da Índia caiu na manhã o último dia 16, após uma colisão com um bando de pássaros (Bird Strike), um dos pilotos do MiG-29 biplace notou que os dois motores pegaram fogo.

“As tentativas de recuperar a aeronave não tiveram êxito devido a danos e baixa estatura. O piloto, com sua presença de espírito, apontou a aeronave para longe das áreas povoadas e os dois pilotos ejetaram com segurança”, acrescentou a nota do site Roy.

Os pilotos cujo as identidades foram reveladas como Capitão M Sheokhand e Tenente Comandante Deepak Yadav, receberam cuidados médicos de rotina (Sempre deve-se levar pilotos envolvidos em uma ejeção a um hospital para um cheque geral).

O MiG-29 estava em um treinamento de rotina quanto por volta das 11h45 encontrou o bando de pássaros. Os pilotos tentaram acionar os motores mais de uma vez, mas foi sem sucesso e com isso tomaram a decisão de ejetar.

Com essa queda é menos um MiG-29 da IAF, que vem caindo com uma certa constância. Talvez visando isso e outras questões, o governo da Índia pretende comprar mais caças Mig 29 que estão desativados na Rússia, além da aquisição já em andamento de 36 caças Dassault Rafale.

 

Fonte de apoio: India Today/ Edição: Aeroflap

DEIXE UMA RESPOSTA