A Central de Televisão da China (CCTV) divulgou nesta última semana imagens do caça chinês J-15 conduzindo pousos e decolagens a partir do novo porta-aviões Type 002 Shandong.

As operações com o J-15 fazem parte de uma série de missões de testes do porta-aviões, que estão acontecendo logo após o “comissionamento do navio”.

Os testes operacionais com o J-15 são importantes, visto que esse é o maior e mais pesado caça da China, e logicamente com maior capacidade de transporte de armas. Esse também é o único disponível na Marinha da China.

Esse porta-aviões chinês, batizado de Type-002 Shandong, faz parte de um novo projeto do país para aumentar seu poder militar no mar. A construção foi iniciada em 2013, e concluída em 2017, quando os testes com o novo porta-aviões começaram. Recentemente, em dezembro, o porta-aviões foi comissionado (entrou em serviço).

O terceiro porta-aviões da China, o Type-002, é equipado com sistemas de lançamento e recuperação de aeronaves eletromagnéticas (EMALS), permitindo operar uma mistura semelhante de aeronaves de asa fixa, como as encontradas nos porta-aviões da Marinha dos EUA.