Caças F-18C finlandeses e Mirages 2000-5 franceses- Foto: Força Aérea da França

Caças da Força Aérea Francesa, atualmente enviados para a Estônia como parte da missão eAP, realizaram seu primeiro exercício multinacional na quarta-feira, 6 de maio, ao lado de seus colegas finlandeses e suecos.

Ao todo foram três caças Mirage 2000-5 da França, quatro caças F/A-18C Hornet da Finlândia, que treinaram na parte da manhã em um voo de mais de duas horas. E na parte da tarde os JAS 39 Gripen C da Suécia participaram do mesmo exercício ao lado de caças franceses.

Caças F-18C finlandeses e Mirages 2000-5 franceses- Foto: Força Aérea da França

Esses voos foram realizados sob o protocolo “Finish Swedish Training Exercise” (FSTE). Como a Finlândia e a Suécia não fazem parte da OTAN, esse protocolo permite que os países envolvidos na operação ” Baltic Air Policing” (BAP) e “Enhanced Air Policing” (eAP) treinem com os dois países nórdicos depois de ter sido desarmado de antemão.

Este exercício é uma oportunidade para fortalecer a interoperabilidade entre nações europeias e será repetido durante o mandato francês na Estônia.

A eAP faz parte das missões policiais da OTAN nos países bálticos denominadas “Baltic Air Policing” (BAP). Essas missões visam garantir a integridade do espaço aéreo do Báltico em tempos de paz e a França é implantada regularmente desde 2004.

Além disso, quando a OTAN implementou o PAE em 2014 como medidas de seguro para os países bálticos, a França respondeu. 

As forças francesas, em solidariedade com seus aliados, concluíram seu engajamento no BAP, propondo a tomada de torres de alerta como parte da missão eAP, cujo arpão deste segundo mandato acaba de chegar em solo estoniano.


 

Fonte: Força Aérea da Francesa

DEIXE UMA RESPOSTA