Simulador de voo do M346. Foto: Leoanrdo/Divulgação.

As empresas CAE e Leonardo anunciaram ontem (29) uma joint venture para apoiar as operações da Escola Internacional de Treinamento de Voo (IFTS – International Flight Training School) na Itália. 

A parceria chamada Leonardo CAE Advanced Jet Training Srl fornecerá serviços de apoio e suporte de treinamento, incluindo manutenção e operação do jato de treinamento M346 Master e seus sistemas de treinamento em solo, além da operação das instalações da base IFTS. 

A International Flight Training School é uma parceria da Força Aérea Italiana (AMI) com a própria Leonardo, criada com o objetivo de fornecer introdução abrangente ao treinamento de caça para a Força Aérea Italiana e clientes estrangeiros.

International Flight Training School. Imagem: Leonardo/Divulgação.

O programa de treinamento avançado do IFTS, baseado na Fase IV do plano de estudos da Força Aérea Italiana, pode contar com o sistema de treinamento em solo do M-346, incluindo o simulador avançado de missão completa desenvolvido em conjunto pela Leonardo e CAE.

Atualmente o IFTS é sediado na Base Aérea de Galatina, na região sul da Itália. A partir do ano que vem, o centro será transferido para a Base Aérea de Decimomannu, também no sul do país. As construções das novas instalações iniciaram em dezembro de 2020.

IFTS. Imagem: Leonardo/Divulgação.

“Nosso compromisso em fornecer aos clientes da IFTS a melhor capacidade de treinamento da classe é ainda demonstrado pela escolha do CAE como nosso parceiro IFTS. A joint venture representa a estrutura ideal para alavancar ainda mais nossa colaboração bem-sucedida no sistema de treinamento terrestre M346, enquanto nos garantindo a agilidade e a flexibilidade para atender aos desafiadores e personalizados requisitos do cliente”, disse o Diretor Executivo da Aircraft Division da Leonardo, Marco Zoff.

“Leonardo, CAE e a excelência mundialmente renomada da Força Aérea Italiana garantirão treinamento avançado de alto nível para as forças aéreas modernas a um custo reduzido, a fim de satisfazer uma demanda crescente em treinamento de voo avançado.”

A parceria entre as duas companhias vai gerenciar e conduzir as operações diárias da IFTS, que detém uma frota de 22 jatos M346. A instrução será ministrada por uma equipe da Força Aérea Italiana em serviço ativo e ex-pilotos instrutores militares internacionais altamente experientes.

Jato de treinamento avançado M346 Master. Foto: Leonardo/Divulgação.

“CAE e a Leonardo têm um relacionamento industrial de longa data e temos o prazer de investir juntamente com a Leonardo e a Força Aérea Italiana nesta parceria público-privada inovadora para operar a International Flight Training School”, disse Marc-Olivier Sabourin, vice-presidente e gerente geral, Defense & Security International, da CAE.

“A parceria entre Leonardo e CAE apoiará o Sistema de Treinamento Integrado do M-346, que é um elemento central do moderno e inovador programa Lead-In to Fighter Training (LIFT) para pilotos de próxima geração.”