A Cathay Pacific declarou nesta terça-feira (17) que venderá seis de seus aviões Boeing 777-300ER para a BOC Aviation. O acordo deve valer US$ 703,8 milhões e ajudará a companhia aérea em meio às consequências do surto de COVID-19.

A venda inclui todos os equipamentos da aeronave, e ajudará a empresa a criar um maior capital de giro. As aeronaves, no entanto, continuam operando com a companhia, mas no regime de Leasing Operacional.

Na semana passada, Cathay admitiu que está enfrentando perdas significativas no primeiro semestre do ano. A companhia planeja fazer cortes de postos de trabalhos, para equilibrar suas contas.

A Cathay, juntamente com várias outras companhias aéreas, deve sentir o peso de tudo isso com muito menos demanda para voar nos próximos meses, mesmo com poucos casos de COVVID-19 no momento em Hong Kong.

 

DEIXE UMA RESPOSTA