CEO da Qatar: “muitas companhias aéreas irão à falência”

Foto - Getty Images

O polêmico CEO da Qatar Airways, Akbar Al Baker, concedeu uma entrevista na última quinta-feira (26) à Bloomberg Television, falando sobre o recente cenário do setor aéreo nesta crise que está ocorrendo.

Na entrevista Akbar Al Baker destacou que muitas companhias podem falir, ao mesmo tempo que muitas buscarão ajuda estatal neste momento.

Ele também ressaltou que a companhia Qatar, que é estatal, pode aproveitar oportunidades de investimento neste momento, ao mesmo tempo que as companhias aéreas podem entrar em conflito por uma ajuda estatal sendo considerada como “subsídio estatal”.

“As pessoas que se gabavam de não receber ajuda estatal e serem independentes agora estão pedindo ajuda estatal”, disse Al Baker.

Al Baker ressaltou que somente 30 companhias aéreas, em todo o planeta, estão com condições de enfrentar a crise, mesmo assim somente por alguns meses.

“Não restará mais nada para consolidação, porque muitas companhias aéreas irão à falência”, disse. “Neste período muito difícil, apenas as mais preparadas vão sobreviver.”

“Uma pandemia como esta nunca havia ocorrido nos últimos 100 anos”. “Teremos que enfrentá-la e perseverar”, disse Al Baker com esperança de uma recuperação futura.


A Qatar Airways, por sua vez, diz que vai aproveitar as oportunidades de ajuda estatal, e que cortou 80% dos seus voos nos últimos dias. A companhia, no entanto, não planeja mais cortes de oferta.

DEIXE UMA RESPOSTA