Foto - China Daily/via REUTERS

A Comac e a UAC, que formam a empresa CRAIC para desenvolver o CR929, escolheram uma lista de empresas europeias com finalidade de fornecer o trem de pouso do novo avião formado na parceria entre a Rússia e a China.

Uma outra solicitação de propostas foi aberta com finalidade de pesquisar interessados em fornecer outras peças.

Um projeto base do trem de pouso foi enviado para as empresas interessadas, pois desta forma os engenheiros conseguem estimar o custo de fabricação e os requisitos de segurança, devido ser um componente estrutural de grande importância para a aeronave.

Uma resposta das empresas deve ser divulgada em novembro, anunciando também outros prováveis fornecedores.