Com elevada demanda de operações especiais, Helisul adquire novos helicópteros para reforçar a frota

Com uma forte demanda de helicópteros para operações especiais, tais como levantamentos geofísicos, inspeção e construção de linhas de transmissão e combate a incêndio, a Helisul precisou investir em novos equipamentos.

A empresa, fundada em 1972 e hoje presente em todo Brasil, comprou dois novos helicópteros para ampliar a frota composta atualmente de 50 aeronaves, entre helicópteros e aviões.

Uma das aeronaves adquiridas é o Airbus AS350B3+ Esquilo “Viking”, equipado com o Maximum Pilot Visibility Kit, uma modificação projetada na Suíça, para operações de carga externa de precisão usando long line. A Helisul adquiriu também outro Airbus AS350B3 Esquilo com configuração VIP, podendo ser configurado rapidamente para utilitário.

“Desde março, com o início da pandemia, estamos com falta de helicópteros. Primeiro por causa dos resgates que precisamos fazer no Norte, onde a remoção de pacientes tinha que ser feita pelo ar, pois não havia estradas para o transporte terrestre”, disse o Comandante Robinson Bordin, diretor de Operações da Helisul.

Logo depois, os contratos que haviam sido paralisados com a pandemia, começaram a ser retomados, com grandes operações especiais, segundo o executivo, e, na sequência, vieram os combates a incêndio.

“Não conseguimos atender nem a metade da demanda de combate a incêndios por falta de helicópteros”, disse o diretor de Operações. Para 2021, a empresa estuda fazer novas aquisições, inclusive um helicóptero de maior porte, biturbina, pode ser comprado.

 

Saiba mais sobre a Helisul 


Fundada em 1972, a empresa começou operando voos panorâmicos em Foz do Iguaçu, administrada por empreendedores da então Companhia Tropical de Hotéis, pertencente à Varig.

Depois surgiu a Tropical Táxi Aéreo, mais tarde transformada em Helisul. Mas foi nos anos 1990 que a empresa expandiu os serviços e as bases por todo o Brasil, sob o comando dos comandantes Eloy e Celso Biesuz.

Hoje conta com uma estrutura completa de hangares, equipe administrativa, de manutenção aeronáutica e pilotos altamente capacitados. Está presente em diversas regiões do Brasil (Curitiba, Foz do Iguaçu, São José dos Pinhais, Brasília, Florianópolis, Rio de Janeiro, São José e São Paulo), prestando serviços aéreos especializado (SAE), serviços de fixed base operator (FBO), manutenção, gerenciamento e fretamento de aeronaves, transporte aeromédico e voos panorâmicos.

A frota atual da Helisul é composta por mais de 50 aeronaves, entre helicópteros e aviões. Mais informações em www.helisul.com

 

DEIXE UMA RESPOSTA