Gripen E- Foto: SAAB

A SAAB fez testes de voo com um Gripen E em condições climáticas adversas. Os testes aconteceram no norte da Suécia. Os voos no severo inverno sueco foram realizados com sucesso. Tais ações fazem parte da vasta campanha de testes são necessárias para que o caça ganhe sua certificação.

“As condições climáticas estavam do nosso lado e fomos capazes de realizar várias partidas e voos normais em temperaturas que variavam de -20 a -26 graus Celsius. O resultado foi acima das expectativas e tivemos muitos dados realmente valiosos para revisar”, diz Katarina Milososka, coordenadora de aeronaves de teste da Saab e responsável pela campanha em Vidsel.

Desde os primeiros voos dos Gripens E na Suécia os caças são submetidos a campanha de testes, que vão desde a parte interna, passando por manobrabilidade, armas, dentre outros. O Gripen E do Brasil, que fez seu voo de estreia em agosto do ano passado também se encontra na campanha.

Outros testes climáticos serão feitos com os Gripens E, sendo que os de clima quente serão feitos na Suécia e no Brasil, aproveitando a umidade típica de nosso país. A vinda do Gripen E para o Brasil está prevista para este ano, mas apenas para testes. A entrega oficial do caça à FAB está prevista para 2021. Ao todo à FAB adquiriu 36 unidades do Gripen F-39 (como será chamado na FAB), nas versões E (monoposto) e F (biposto), as aeronaves ficarão baseadas na ALA-2, em Anápolis-GO.

 

DEIXE UMA RESPOSTA