Foto - Força Aérea Brasileira

A Comissão de Integração Nacional, Desenvolvimento Regional e da Amazônia promove debate nesta quinta-feira (09/05) a certificação das pistas de pousos e decolagens situadas na Amazônia.

O encontro será realizado por pedido dos deputados Sidney Leite (PSD) e Capitão Alberto Neto (PRB), ambos do estado do Amazonas. Sidney Leite destaca que, atualmente, existem várias pistas que não se encontram certificadas ou registradas, mas que são fundamentais para atividades como o transporte de profissionais de saúde, apoio aos povos indígenas e até mesmo para entrega da merenda escolar.

“Muitas bases do Exército têm pistas de pouso em que a estrutura de saúde, as empresas contratadas para transportes de doentes, não podem pousar”, explica. Os problemas para regularização das pistas de pouso variam desde infraestrutura a questões burocráticas.

Ele defende a realização de um esforço conjunto das autoridades responsáveis para regularizar as pistas existentes e construir aeródromos novos na região. Para ele, o transporte aéreo é central para a região.

“O meu estado, com um milhão e meio de quilômetros quadrados, nós só somos 62 municípios, incluindo Manaus. Nós temos 3 fusos horários. Dependendo do avião, nós temos municípios a partir de Manaus, você gasta quatro horas de voo”, afirma.

Foram convidados, entre outros:
– o superintendente de Infraestrutura Aeroportuária Anac, Rafael José Botelho Faria;
– o coordenador de Investimentos do Departamento de Investimentos da Secretaria de Aviação Civil, Marcus Henrique Gonzaga Pires; e
– o diretor-Secretário do Sindicato dos Taxis Aéreos, Gilberto dos Santos Scheffer.

O debate, que será interativo, está marcado para as 10 horas, no plenário 14.

 

Via – Agência Câmara Notícias