Saudia Airlines Airbus A320
Foto: Argaam

(Reuters) Entre as gigantes do setor Emirates e Qatar, a Arábia Saudita está com planejamento de lançar uma nova companhia aérea para entrar em concorrência com as maiores da região em termos de voos e passageiros. 

A novidade foi anunciada através do Príncipe herdeiro Mohammed bin Salman, que busca ampliar a captação de recursos para lançar a nova empresa aérea e gerar empregos além de uma nova fonte de receita para o país. Segundo pessoas próximas, a empresa aérea terá um número de voos internacionais significativo e seria criada uma rede de conexões internacionais na Arábia Saudita.

A Reuters tentou contato com o Ministério dos Transportes ou algum representante do governo mas não obteve nenhum retorno. O anuncio da nova companhia aérea surge em momento em que gradativamente as viagens pela Europa e Oriente Médio são retomadas com a alta temporada.

O Governo da Arábia Saudita disse que a partir de 2024 não irá fechar contratos com empresas aéreas que não estiverem operando voos domésticos no país. Atualmente o país conta a Saudia Airlines que opera voos domésticos e internacionais com uma frota de aproximadamente 135 aviões, a empresa é a principal no país.

“A Arábia Saudita tem a capacidade de avançar com sua estratégia de aviação e turismo quando outros estiverem recuando e se retraindo. É uma estratégia arriscada, mas também sensata dada sua posição e objetivo geral de diversificação.”. Disse o consultor especializado em aviação, Brendan Sobie.

A Arábia Saudita está com planos ambiciosos para impulsionar o turismo no país nos próximos anos. Entretanto, analistas e especialistas alertam que o país poderá sofrer alguns anos de perdas e prejuízos porém o projeto após ajustes poderá vir se tornar um grande sucesso.

 

Fonte: Reuters

DEIXE UMA RESPOSTA