Nesta semana, na sexta-feira (27/07), poderemos ver aqui do Brasil um pouco de um eclipse lunar total, que promete ser o mais longo dos últimos anos.

A parte leste do Brasil será beneficiada pela visão total do eclipse, o melhor lugar para ver o fenômeno será em Recife e nos arredores da cidade, incluindo a ilha de Fernando de Noronha, a partir das 17h15. A parte oeste do Brasil poderá ver apenas parcialmente.

Isso se deve ao horário de início do eclipse, que será às 16h30, hora em que ainda não aconteceu o nascimento da Lua em várias capitais, o final do mesmo será às 18h13, o parcial vai até 19h19. Esses dados são sempre considerando o horário de Brasília.

O Observatório Nacional recomendou que os interessados em ver o eclipse procurem um local com visão para o horizonte, devido ao horário que vai ocorrer.

Uma característica desse tipo de eclipse é que na parte total, que vai das 16h30 até às 18h13, a Lua será de sangue, nome dado para a característica do astro quando ele adquire um tom avermelhado. As cidades ao leste de Brasília poderão ver alguns minutos em que a Lua estará totalmente com essa coloração, logo após, se estendendo até 19h19, a lua sairá da sua coloração avermelhada para o escuro.

Na parte parcial será possível ver a Lua nascer até virar uma Lua cheia, que é o exato momento em que o satélite natural está saindo da sombra da Terra. Essa fase se estenderá de 19h19 até 20h29.

O fenômeno também poderá ser visto em sua totalidade em boa parte da Europa e da África.